sábado, 31 de dezembro de 2011

Adios 2011

Nesse ano muitas coisas mudaram, pessoas partiram, eu amadureci, eu cresci. Chorei, sorri, gritei, me desesperei, quase me matei, fiz muita bobagem, bebi, briguei, chorei de novo, mas eu fui feliz. Já parou pra pensar que não importa o que você faça, se é errado ou não, você tem que fazer o que te faz feliz? É, não se importe com nada se te faz feliz, não abra mão se te faz feliz. Não deixe as pessoas que você gosta, as pessoas que realmente te fazem feliz, não deixe elas irem. Se são elas que te fazem sorrir, são elas que te fazem bem, não deixe elas irem.




Medo? Não acha que a vida é curta demais para se viver com medo? Sorria meu caro, sorria, faça sua vida valer a pena, grite, grite a sua felicidade bem alto, para todos saberem o quanto você está feliz. Chore, chore pra livrar toda essa mágoa, expulsar toda essa tristeza, chore mesmo, não se importe se vão te chamar de fraco. Chorar não é sinal de fraqueza, acredite. Agradeça, agradeça por mais um ano de vida, por mais um ano que terminou em paz e outro que se iniciará. Agradeça pelos amigos, pela família, agradeça por estar vivo!
Mas por favor, faça valer a pena estar vivo, não sobreviva apenas e viva de verdade, faça valer a pena! Faça com que quando chegue ao final dela, você possa olhar para trás e dizer: Poxa, eu fui feliz. 
Não se arrependa, nunca se arrependa, pois tudo que acontece tem uma explicação. Escute, nada, absolutamente nada acontece por acaso. 
Um desejo? Que 2012 leve as mágoas que esse ano me trouxe, e me traga em troca, uma felicidade multiplicada e plena. Que eu possa abrir os olhos todos os dias e estar feliz, com a minha casa, a minha família, com os meus amigos.
Esse ano de 2011 foi um ano de muitas perdas, amigos que eu achava que levaria para vida inteira, se foram sem ao menos dizer adeus. Amores, que também se foram sem mais nem menos. Dores difíceis de se curar, mas eu consegui. E espero que em 2012 eu consiga curar todas essas feridas também. 
Hoje, quero olhar pro céu e apenas agradecer, agradecer por tudo que aconteceu de bom e até mesmo de ruim nesse ano. Pois certas coisas ruins acontecem para coisas boas acontecerem. Lembre-se, primeiro a chuva e depois o arco-íris, é essa a ordem. 
Desejo um Feliz Ano Novo a todos, que esse ano chegue com muita positividade, traga muita felicidade, e que leve embora toda a negatividade. Um beijo, e até o ano que vem, hahaha :* 

open your eyes

Você podia me falar o que se passa pela sua cabeça né? Será que é tão difícil? Me explica. O que você quer? Me deixar assim confusa esperando a sua boa vontade? Cara, pare de brincadeira, eu não sou uma marionete, eu não sou uma peça do seu jogo. Pare de agir assim, ou é ou não é. Ficar encima do muro não leva a nada. Por favor me escute, preste bem atenção: eu sempre estive ao seu lado, por favor, veja o que eu já fiz por você, pense no que você sabe que eu faria por você. Eu não sairia do seu lado por nada desse mundo, e você sabe disso. Deve ser por isso que não dá o devido valor, fica aí se lamentando por gente que nem lembra que você existe. Fica pensando naqueles que saíram do seu lado na primeira oportunidade. Eu nunca o deixei, e nunca o deixaria. Pequeno, olhe ao teu redor. Quem ainda luta por você? Quem nunca saiu do teu lado? Quem confia em você de olhos fechados? Quem colocaria a mão no fogo por você? É meu anjo, preste bem atenção neles, são nessas pessoas que você deve confiar, são essas pessoas que você deve valorizar, pois eles são os verdadeiros, amigos, companheiros, cúmplices, irmãos. Não deixe eles partirem, pois a volta será difícil. Os outros? Ah os outros são só os outros, nem se importe.
maria clara lins  

Circo

"Ás vezes eu acho graça, outras vezes é um tanto trágico, mas sinceramente? O que eu mais penso, é que tudo isso não passa de um grande circo, onde os palhaços são eu e meu coração bobo, onde são aprisionados numa jaula como se fossem filhotes de tigres, intimidados pelo seu domador, que no caso é você."          
Maria Clara Lins

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Amanhecia

Olhei pela janela e vi o sol nascendo, o céu estava quase rosa. Caminhei pela casa, um silêncio total. Fui até a varanda, senti a maresia, senti a brisa que delicadamente passava entre meus cabelos, agradeci a Deus por tudo aquilo que estava acontecendo. Ouvia o barulho das ondas, comecei a me lembrar da noite passada, sorri. Um sorriso que misturava cansaço, felicidade e saudade. Cansaço por não ter dormido nada durante a madrugada. Felicidade por ter conseguido o que eu queria, o que eu quis por muitos anos, felicidade por ter te abraçado, te beijado, por ter olhado em seus olhos, felicidade em sentir o seu cheiro nas minhas roupas, felicidade por ter te encontrado. Saudade por não estar com você ali, na varanda, olhando o mar, saudade por não estar em teus braços, saudade por estar tão longe e ao mesmo tempo tão pertinho, sorri mais uma vez. Saudade por saber que noite passada seria a última vez que o veria, a última vez que o beijaria, a última vez que estaria em teus braços. Eu não queria ir, pela primeira vez não queria ir pra casa. Por você. Eu tenho mesmo que ir embora? Então te levarei comigo. Acho que não suportaria te deixar. Não posso te deixar. Quero você comigo, quero você pra mim, só pra mim. Egoísta? Sim, pode-se dizer que sim, mas não me importo por me chamarem de egoísta, se meu egoísmo me leva a você. É por amor, e se é por amor tudo vale a pena, não é mesmo? Todo ciúme, toda discussão, toda briga, é porque há amor. Nada é perfeito não é mesmo? Eu não sou perfeita, mas pode ter certeza meu anjo, ninguém te ama mais do que eu.

maria clara lins

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

"Eu simplesmente cansei, se quiser que venha atrás, se sentir falta que me procure."  


Maria Clara Lins

pensamento do dia

"Quem muito olha pra trás, acaba tropeçando."



  - Maria Clara Lins

domingo, 25 de dezembro de 2011

lies

"E então as verdades começam a aparecer, e você percebe que realmente não pode mais confiar nas pessoas. Pessoas que você quer ao seu lado pra vida inteira, mentem, te ignoram, te tratam como uma mera opção. Pessoas que você recusa a acreditar que possam fazer tamanha crueldade com você. Sim, cruel é mentir pra uma pessoa que te ama tanto, cruel fazer uma pessoa que gosta tanto de você sofrer. Eu já não sei mais no que pensar, não sei mais como agir, me perdi, me perdi nesse monte de mentiras."  - maria clara lins (num momento de desespero.)

Descansar


Mas se você quiser e vier
Pro que der e vier comigo
Eu posso ser o seu abrigo
Mas e se você não quiser
Eu posso ser um qualquer inimigo
Mas só quero que saiba meu bem...
Esteja sempre comigo...





Canto dos Malditos na Terra do Nunca. 

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Sabe, eu cansei

Tenho ficado chateada por muitas coisas e ficado calada. Só pra não te magoar, ou te irritar. Tenho aguentado muitas coisas que me matam por dentro e tenho continuado sorrindo. Mas hoje, pra mim já chega. Já chega de ser tratada como opção pra você, não é isso que eu quero, nunca quis. Por favor, caia na real. Olha a tua volta, eu estou do seu lado. Meu bem, olhe. Olhe bem, estou aqui. Por favor não demore muito tempo pra perceber isso. Dê valor às coisas enquanto ainda tem, dê valor a mim enquanto ainda me tem. Por favor não espere eu ir embora, não deixe que eu vá embora. Eu te quero tão bem, pequeno. Não deixe que esse sentimento se transforme em rancor ou raiva. Você me tem nas suas mãos e não percebe, não dá valor. Não  trate como opção quem te quer assim tão bem. Espero que não demores mais, não perca mais tempo do que já perdeu. Meios termos me cansam, já te disse.

sábado, 17 de dezembro de 2011

"Clara" por Lucas de Abreu

Talvez um dia
Eu conheça alguém como você
E que nesse dia, minha cabeça enlouqueça
E que este alguém me de razão pra viver, como você me deu

Talvez um dia
Você saia da minha mente
E leve todos os rastros de paixão consigo
E que nesse dia eu aprenda a viver sem ti

Talvez um dia
A gente se entenda
Que você se arrependa daquilo que não fez
E que nesse dia eu esqueça tudo que sofri e te aceite
              
Ou que talvez em um dia
A gente se esqueça
Ou melhor, que eu te esqueça
Por que você não sente nada por mim

Mas... O que eu espero
É que você me queira como eu te quero
E o que esperar de um cara como eu?
Somente peço a oportunidade, de te fazer feliz.



Ah!Não me canso de esperar
Tento sempre ser melhor
Não importa se Eu te impressione
Mesmo que não te abandone
Sou só mais alguém normal pra você.
Clara...





me faz tão bem.



Quando eu me perco é quando eu te encontro.Quando eu me solto, seus olhos me veem. Quando eu me iludo é quando eu te esqueço. Quando eu te tenho, eu me sinto tão bem.
Você me fez sentir de novo, o que eu já não me importava mais, você me faz tão bem(...)
Quando eu te invado de silêncio, você conforta a minha dor com atenção. E quando eu durmo no seu colo,
você me faz sentir de novo o que eu já não sentia mais(...)
Não tenha medo. Não tenha medo desse amor. Não faz sentido. Não faz sentido não mudar esse amor
Você me faz, você me faz tão bem. 

(Detonautas) 

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Os minutos

Os minutos passavam muito rápido, eu queria que aquele momento durasse pra sempre. O vento soprava frio, me fazendo querer ir pra perto de você. Enquanto você me abraçava e acariciava os meus cabelos, eu observava o teu olhar, seus olhos brilhavam.
Olhei para o céu, uma noite perfeita, não aquela estrelada com uma lua cheia, mas era perfeita de estar ao teu lado. Só por isso, já valia a pena estar ali. Haviam algumas nuvens, poucas estrelas, mas a lua, como sempre perfeita.
O vento frio persistia, já eram duas da manhã, o fim daquela noite infelizmente se aproximava. Seus olhos cor de mel passavam rapidamente pelos meus, as luzes me encadeavam, só enxergava você. Não, eu não queria que aquela noite terminasse, eu queria estar com você, eu precisava.
- "É incrível, você traz uma paz enorme, porque?" Eu disse.
Ele sorriu, me deu um leve beijo e disse:
- "Eu me pergunto isso também, porque você me traz essa paz tão grande? Porque é tão bom estar ao teu lado?"
Sorrimos por alguns segundos e voltamos a olhar o céu.
Sabe aquele momento que milhares de pensamentos começam a rodear sua mente? Você pensa em tudo mas não quer pensar em nada. Me veio na cabeça o que iria ser de nós dali pra frente, o que me aguardava, quem iríamos conhecer, por quem iríamos nos apaixonar. Eu não queria que fosse sem você, você me fazia bem, muito bem. Eu queria estar contigo, eu queria poder te fazer feliz. Mas...e o medo? O medo de tudo dar errado, o medo de mais uma vez acreditar em quem não devia e quebrar a cara, o medo de mais uma vez ser tudo uma ilusão, de não ser o que realmente eu queria. Sacudi a cabeça tentando espantar todos esses pensamentos inquietos, e enfim mentalizei uma frase:
"Deixa o tempo ver. Deixa o tempo ver. Deixa o tempo ver."
Espero que tudo se acerte, que tudo fique bem, que nós fiquemos bem, que fiquemos juntos, mas bem.

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

entendo,

Entendo que você está passando por muitos problemas, momentos difíceis, tendo que escolher entre muitas coisas, pode ter certeza minha pequena, eu entendo. Mas lembre-se, todos nós temos problemas. E só porque nós estamos cheios deles, isso não significa que os problemas dos outros sejam menores que os nossos. Não desconte sua raiva e seu amargo nas pessoas que estão ao seu lado, que te querem bem, que sempre quiseram seu bem. Não deixe eles irem, aqueles que colocariam a mão no fogo por você, que fariam qualquer coisa pra ver um sorriso teu.
Dói, eu sei que dói, as pessoas passarem por você com tamanha indiferença, ás vezes te apontam milhares de defeitos, te julgam, riem de você, e nem se importam em saber o porque você está fazendo tanta bobagem. É, eu já estive aí onde você está. Não se preocupe minha pequena, tudo isso vai passar. A gente sempre conhece outros sorrisos, outros abraços, outros lugares, outras pessoas. A gente sempre volta a sorrir como antes, não se desespere, é só uma fase. 
Então, eu te digo. Olhe pro alto minha linda, veja que há um céu perfeito e um Deus que está esperando por um sorriso seu, enxugue as lágrimas, deixe essa dor ir. São as únicas coisas que você deve deixar ir, a tua dor, a tua amargura, as tuas mágoas, deixe-as. Não vale a pena alimentar esses sentimentos, só nos trás pensamentos ruins. Lembra-te que o amor vale mais, muito mais que qualquer mentira, qualquer desilusão, qualquer mágoa, qualquer briga. Lembre-se que a amizade é uma das coisas mais importantes que temos nessa vida, que não podemos deixar os verdadeiros irem, são poucos, são muito poucos. Podemos contar nos dedos de nossas mãos. Então por favor minha pequena, não me deixe ir. Eu já disse e volto a repetir, você pode esbravejar, me fuzilar com esse teu olhar, pode me xingar, me bater, mas eu vou estar aqui. Porque? Eu prometi, eu prometi que iria continuar ao teu lado, pro que der e vier, debaixo de chuva, debaixo de sol, nos momentos bons ou ruins, eu estarei aqui.    
 Maria Clara Lins

domingo, 11 de dezembro de 2011

Espero



Espero que não seja tarde demais quando você perceber que quem sempre esteve ao seu lado, sou eu. Sempre estive e sempre vou estar, se você fizer por onde. Eu não posso dar prioridade a uma pessoa que me trata como segunda opção, segunda? décima opção pra ser mais sincera. Por mais que eu queira estar ao teu lado, queira te fazer sorrir, queira ter você perto de mim, desculpa mas assim não dá. Não dá pra correr por uma pessoa que não dá um passo sequer por mim. Então, para de fazer bobagem, olha ao teu redor, veja quem tá contigo e quem não tá, não deixe essas pessoas irem. Jogue fora as mágoas, ignore tudo que te faz mal. Traga teus companheiros pra perto de você, traga pra perto o que te faz feliz. Esqueça meu bem, esqueça, não vale a pena ficar com tudo isso na cabeça, esqueça o passado e viva o hoje, eu estou aqui. Pode crer, estou do seu lado. Quero te ver feliz, quero te fazer feliz, é só isso.  - Maria Clara Lins 

e assim

eu ia conhecendo outros sorrisos, outros abraços, outros lugares, mas tudo isso tinha um único propósito, manter minha mente longe de você, manter-me esquecida de você, tentar não lembrar. E assim eu vou vivendo, ou sobrevivendo. Com as minhas mágoas, as minhas perdas, me conformando todo dia que o que passou, passou. O que passou não volta mais. Pensando no hoje, só no hoje, vivendo um dia de cada vez.

sábado, 10 de dezembro de 2011

someone like you


"Não se preocupe, eu vou encontrar alguém como você. Não desejo nada além do melhor para você, também.
Não se esqueça de mim, eu imploro, me lembro que você dizia: às vezes o amor dura, mas, às vezes, fere em vez disso."                     
 - Adele

domingo, 4 de dezembro de 2011

Eu sou assim.


“Eu sou assim, eu vou sumir quando você menos esperar, eu vou surtar com você, vou querer que você sinta medo, orgulho, paixão, tesão, fome de mim. Eu vou ter as vontades mais loucas, eu vou sentir inveja até da sua sombra por estar perto de você de dia, e do seu travesseiro por estar com você a noite. Eu vou aparecer só pra você me perceber, eu vou sumir e aparecer milhões de vezes pra você me notar. Eu vou ter sede da sua atenção, eu vou querer o seu ‘mas eu te amo’ quando eu disser ‘eu te odeio, e não quero mais te ver por aqui’, eu vou querer um beijo roubado no meio daquela briga, eu vou querer seus elogios quando o espelho estiver de mal comigo, eu vou querer sua sinceridade quando for necessário, e a sua doce mentira quando minha vaidade precisar, eu vou querer surpresas no meio do dia, ligações inesperadas, eu vou respirar você, eu vou amar você.”  
 - Tati Bernardi